Projeto busca democratizar o acesso à cultura, cinema e meio ambiente, além de ajudar a criar outros festivais no estado de Goiás

 

O Festival Internacional de Cinema Ambiental (Fica) ocorre tradicionalmente há 20 anos na cidade de Goiás. São vários dias de oficinas, aulas, exposições, shows, ações culturais e mostras de cinema ambiental. Porém, não são todos os goianos que podem ter a oportunidade de estar na antiga Vila Boa durante o período do festival.

Pensando nisso, a Secretaria de Estado de Cultura de Goiás (Secult Goiás) realiza o Fica Itinerante, na busca de democratizar o acesso à cultura, cinema e meio ambiente a todos os municípios e também a outros estados.

O projeto viaja para o interior do estado e, também, para outras cidades do país, levando cinema ambiental para escolas, universidades e instituições públicas.

Durante o ano de 2019, por exemplo, o Fica Itinerante fez parte da programação da Temporada da Araguaia. Foram exibidos filmes da mostra em cidades ribeirinhas do Araguaia ao longo deste mês de julho. As exibições ocorreram em Aruanã e no distrito de Bandeirante (Nova Crixás).

Além de promover e tornar acessível o audiovisual para as comunidades, a iniciativa ajudou a criar cinco festivais de cinema em outros municípios goianos: Aragarças, com o Fica no Araguaia, Acreúna, com o AFIC; Jataí, com o Festival de Inverno e todas as Artes; em Faina, com o Festival de Cinema de Faina, e em Senador Canedo, com o Curta Canedo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *